Empreendedorismo

4 livros de empreendedores que vão inspirar você

25/07/2017 • por meuSucesso .com

Rebeldes Têm Asas, de Rony Meisler, é um deles

"O homem que não lê bons livros não tem nenhuma vantagem sobre o homem que não sabe ler". Foi com essa frase que o importante escritor e humorista norte-americano Mark Twain defendeu a valiosidade da boa leitura para a construção de uma sociedade mais eficiente e desenvolvida no século XIX.

Alguns anos se passaram, mas o conselho ainda é válido nos dias de hoje. Apesar da cada vez mais presente cultura do conteúdo em vídeo, ler continua sendo uma das formas mais práticas de se absorver conhecimento e, consequentemente, desenvolver bons hábitos — principalmente em um cenário tão acirrado quanto o mundo dos negócios.

Através de biografias e livros sobre cases de sucesso, por exemplo, é possível aprimorar o entendimento sobre comércio, serviços, marketing, finanças e carreira, solucionando conflitos e dando aquele estímulo necessário para os dias de incerteza ou medo.

Confira abaixo 4 títulos que podem ajudá-lo na carreira de empreendedor, elaborados por alguns dos mais conceituados empresários do país:

Rebeldes Têm Asas, de Rony Meisler

Tudo começou com um pequeno projeto de venda de bermudas de praia, junto do amigo Fernando Sigal. Quem via de longe naquele tempo talvez não percebesse a grandeza do que viriam mais à frente. Mas rebeldes têm asas e o pequeno negócio se tornou gigante. Essa história está no livro que Rony Meisler, co-fundador da Reserva, acaba de lançar, e já foi tema de nossos Estudos de Caso.

Pouca gente teria coragem de largar um bom emprego para embarcar numa aventura. Mas foi o que Meisler fez, ao largar o posto que tinha na consultoria Accenture para construir o que mais tarde se tornou uma das marcas mais inovadoras do mundo, a Reserva. Ele soube aproveitar uma oportunidade de mercado, que ninguém estava olhando e foi de cabeça no projeto.

Ao todo, o grupo conta com 65 lojas próprias nas principais capitais do Brasil, 9 franquias, 1.400 multimarcas revendedoras e 2 milhões de peças produzidas por ano. No livro, escrito em parceria com o jornalista Sergio Pugliese, Rony conta a trajetória do zero ao topo.

Acesse para saber mais e comprar o livro: http://rebeldestemasas.usereserva.com/

Pense simples, de Gustavo Caetano

A inovação é considerada por muitos empreendedores o cálice sagrado dos negócios de sucessos. Em Pense Simples, Gustavo Caetano - que também já foi tema de nossos Estudos de Caso - destaca o aparecimento de problemas comuns nas empresas, mas que precisam de solução imediata, com muito uso da criatividade.

Segundo Caetano, quem ler este livro vai descobrir que, ao contrário do que se pensa, inovar é algo bastante simples.

O livro dá lições para empreendedores como, por exemplo, utilizar o fracasso pode moldar a mentalidade para o sucesso, além de como utilizar a simplicidade para estimular a inovação. 

Pense dentro da caixa, de Thiago Oliveira

'Pense dentro da caixa' é, para muitos, uma resposta às incontáveis indagações dos empreendedores. No livro, o autor Thiago Oliveira aponta como o mundo ainda está cheio de problemas e como isso pode abrir espaço para ideias, serviços e produtos geniais.

O autor ensina, entre outras coisas, a como procurar brechas para agir e visualizar oportunidades onde menos imaginava, além de transformar etapas chatas do dia a dia em grandes oportunidade de negócio. Thiago Oliveira também foi entrevistado por Sandro Magaldi no Insight Lite, assista na íntegra o programa. 

O catador de Sonhos, de Geraldo Rufino

Geraldo Rufino é o exemplo claro de que mudar o modo de pensar é o melhor caminho para abocanhar oportunidades.

O empresário entrou no mundo dos negócios como catador de lixo reciclável e, apesar de já ter enfrentado seis falências, nunca desistiu de montar um negócio próprio e rentável. E conseguiu. A história dele foi contada no Estudo de Caso com o intuito que você aprenda sobre mentalidade, perseverança e confiança.

Em O catador de Sonhos, Rufino conta como transformou sua vida e seus negócios, que hoje faturam aproximadamente 50 milhões de reais por ano.

Comentários