Empreendedorismo

O dinheiro é importante, mas quando todo mundo o tem, você precisa se diferenciar

17/08/2016 • por Cassio Spina

“Não existe substituto para a experiência”, costuma dizer Mike Hennessey, diretor Executivo da Puente Labs, sobre a convivência que tem ao investir em startups

Há mais de 70 anos o Silicon Valley é o principal polo quando se trata de empreendedorismo. Com starups inovadoras e investidores anjos experientes, o Vale ficou conhecido por ser um ambiente de efervescência de ideias e de cases bem e mal sucedidos. O fato é que no Brasil esse ecossistema ainda é recente e os investidores daqui podem se beneficiar da bagagem e conhecimento sobre o tema que vem de fora do país.

“Não existe substituto para a experiência” alertou Mike Hennessey. Convidado a participar do Congresso de Investimento Anjo 2016, o Diretor Executivo da Puente Labs - organização de San Francisco cuja missão é encontrar, apoiar e investir nas melhores startups da América Latina e ajuda-las a expandir seu negócio internacionalmente, ele falou em entrevista à Anjos do Brasil sobre as principais dicas que daria a um investidor anjo brasileiro. E de antemão nós avisamos: copie e cole esses conselhos, seja você um investidor anjo “iniciante” ou um “veterano”, vale a pena.

Vá devagar

Comece com algo que você entenda bem. Então se você é uma pessoa de finanças e trabalha em um banco, não invista em uma empresa de tecnologia no seu primeiro investimento. Comece com algo que esteja na base do seu conhecimento e aprenda com essa experiência.

O dinheiro não é tudo que você pode oferecer

Dinheiro é importante, mas quando todo mundo o tem, você precisa se diferenciar. Acredito que desenvolver a sua marca, estar disponível e agregar valor a esses empreendedores e, de fato, se envolver com eles faz toda a diferença.

Autoconhecimento

Com o passar do tempo você aprende onde estão os seus pontos fracos e os fortes e você pode investir quantias maiores e se engajar ainda mais

Leva tempo

Mantenha em mente que se tudo for perfeitamente bem – e isso nunca acontece - geralmente leva de 7 a 9 anos para ter o retorno do investimento. Existem apenas 3 maneiras de fazer dinheiro com investimento anjo. A primeira é quando a startup é comprada, a segunda é quando há novos investidores e você vende a sua participação e, por último, são os IPO’s, que são difíceis nesse estágio. Vai acontecer, mas leva tempo.

Junte-se a redes de investidores anjo

Eu fiz isso. Eu fui membro de um grupo de investidores anjo em San Francisco por muitos anos. É bom, porque esta atividade pode ser solitária para os investidores. Você precisa ter pessoas em quem você confia e respeita envolvidas. Então não invista sozinho, encontre outras pessoas que possam te ajudar não apenas a analisar negócios, mas co-investir.

Ficou com vontade de conhecer o principal polo de empreendedorismo no mundo? Não perca a oportunidade de participar da Silicon Valley Mission 2016 e se engajar ainda mais no ecossistema conhecendo o lugar que há mais de 70 anos é um marco de inovação. 

Comentários

Quem escreve

Engenheiro eletrônico formado pela Escola Politécnica da USP, foi empreendedor por 25 anos na área de tecnologia, atualmente exercendo a atividade de investidor anjo para startups e advisor/conselheiro de empresas. É o fundador da Anjos do Brasil, organização sem fins lucrativos de fomento ao investimento anjo e da Altivia Ventures, empresa de investimentos e advisoring. Também é colunista/colaborador de diversas publicações, mentor da Endeavor, conselheiro de empresas e autor dos livros “Dicas e Segredos para Empreendedores” e "Investidor-Anjo - Guia Prático para Empreendedores e Investidores".

POR Cassio Spina

O que o seu time diz sobre você?

1 0